Blog

PMOC: como um plano de manutenção te ajuda a ter um ambiente de trabalho seguro gastando menos!

Compartilhe:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Uma das máquinas mais comuns em nosso dia a dia é o aparelho de ar-condicionado. Ele é o responsável por manter nossas casas, escritórios e fábricas como um ambiente confortável de forma eficaz. 

Porém, como qualquer outra máquina, eles também precisam de manutenção constante, garantindo sua boa performance. É nesse cenário que entra o PMOC, ou Plano de Manutenção, Operação e Controle.

Neste artigo, você vai entender mais da importância desse plano para o seu escritório ou indústria. Confira!

O que é o PMOC?

O Plano de Manutenção, Operação e Controle (PMOC) é um conjunto de documentos que regulariza as medidas necessárias para que os sistemas artificiais de climatização, como os ares-condicionados, entreguem uma boa qualidade do ar ambiente. 

Na prática, ele define uma rotina adequada de manutenção dos aparelhos, tanto nos aspectos mecânicos quanto nos aspectos químicos.

Análise mecânica

 Aqui, os fatores analisados incluem o histórico de manutenção, o tipo de aparelho e as características do ambiente, como o número de aparelhos e o número de ocupantes. 

Outro ponto analisado é a carga térmica dos ares-condicionados, no qual é visto se os aparelhos estão resfriando o espaço adequadamente.

Análise química

Esse processo consiste em verificar se os aspectos microbiológicos estão dentro do esperado para aquele estabelecimento. 

Isso varia de acordo com o ramo de atuação. 

No ramo alimentício, por exemplo, é necessário seguir uma série de diretrizes higiênico-sanitárias para a impedir a contaminação dos alimentos.

Por que eu preciso de um PMOC?

O PMOC vai garantir a melhor performance dos aparelhos de ar-condicionado.

Com isso sua empresa reduz custos de energia e manutenção, além de garantir uma qualidade maior do ar para os seus colaboradores. 

Outros benefícios são o aumento da vida útil dos equipamentos e a previsão orçamentária da manutenção, já que as manutenções corretivas serão menos frequentes.

De acordo com a Lei 13.589/2018, o PMOC é obrigatório para todos que possuam um sistema de climatização artificial em um ambiente coletivo. A lei também prevê a aplicação de multas para os estabelecimentos que totalizam 60 mil BTU/h (5 TR) em seus aparelhos e ainda não tenham um PMOC.

Essa regra é válida para ambientes sem grandes gerações de calor, como escritórios, cinemas e auditórios. Para ambientes como clínicas, academias e restaurantes, a relação é de até 25 mil BTU/h para cada 20 m2. Essas relações não apresentam uma alta precisão, mas podem servir para dar uma boa ideia se a aplicação de um PMOC é necessária ou não.

Como funcionam as multas?

A lei entrou em vigor no começo de 2018 e o Ministério da Saúde já iniciou a fiscalização dos estabelecimentos a partir de 4 de junho de 2018. Se houver irregularidades, a penalidade é determinada por uma ação ajuizada.

O valor das multas varia de acordo com o estabelecimento e a gravidade do delito. Eles começam em 2 mil reais e podem ir até um milhão e meio de reais em casos extremos.

Portanto, ao realizar um PMOC, você não só estará protegendo a saúde dos seus colaboradores e do seu ar-condicionado, mas também estará protegido contra multas e outras penalidades legais.

Relação com a COVID-19

Nesse momento de aumento da transmissão do novo coronavírus é muito importante reforçar as práticas de segurança e higiene. 

Além das medidas indicadas pelos órgãos de saúde, como o uso de álcool gel e evitar o contato com os outros, também é preciso estar atento com práticas menos comuns, mas que possuem um importante papel em diminuir a transmissão.

Uma das preocupações para quem trabalha em ambientes fechados é garantir que o ar ambiente seja renovado constantemente, diminuindo a circulação de agentes patogênicos. 

Um dos agravantes do problema é o uso de ares-condicionados funcionando sem a manutenção correta. Caso você não tenha um plano de manutenção, a circulação do ar pode ser menos efetiva, além de piorar a sua qualidade.

Uma das formas de reduzir esses problemas é a realização do PMOC, que melhoraria a qualidade do ar dentro do seu estabelecimento e aumentaria o desempenho do seu aparelho. Assim, diminui-se as chances de propagação da COVID-19 que é transmitido pelo ar.

Como fazer um PMOC?

Como já foi dito anteriormente, o PMOC é dividido em duas etapas, uma química e uma mecânica. Cada uma delas exige uma ART e devem ser realizadas por empresas diferentes.

Na etapa química, é feita uma visita para coleta de amostras, uma análise em laboratório e o resultado. Ela garante a qualidade do ar ambiente para o bem estar e a saúde das pessoas.

Já a etapa mecânica consiste no cadastramento dos equipamentos, um estudo individual de cada aparelho, a implementação do plano, a execução das manutenções preventivas, que pode ser realizada por um técnico em mecânica, e o acompanhamento.

Se você precisa de um PMOC, podemos ajudá-lo nesse processo.

A i9 CONSULTORIA é a maior Empresa Júnior de Engenharia Mecânica do Brasil e contamos com membros capacitados para realizar esse tipo de serviço. 

Nós fornecemos todo o PMOC, tanto a parte mecânica, realizada por nós, quanto a parte química, realizada com uma parceria externa. Além disso, também oferecemos a análise de carga térmica do ambiente e as ARTs de Engenharia Mecânica e de Farmácia, exigidas pela lei.

Fale agora com um de nossos consultores e tenha mais segurança e conforto em seu ambiente de trabalho!

Ficou com alguma dúvida?